Imagem capa - Festa de casamento sem convidados é nova tendência para economizar por André Luiz
Casamentos

Festa de casamento sem convidados é nova tendência para economizar





A noiva teve de fazer segredo. Não contou pra nenhum amigo sobre o casamento: "Iria ser estranho dizer que ia casar e não convidá-los". E para os pais, disse que ia para um evento no interior, "deu uma enrolada", como ela mesmo lembra. 

Carolina explica que a cerimônia, chamada de elopement wedding, é muito parecida com a original, com bênção, um celebrante e principalmente os preparativos. Ela teve de escolher vestido de noiva, buquê, música, celebrante, serviço de fotografia e filmagem e até decoração, que foi um pouco mais simples do que se acontecesse com mais gente. Ela só não teve de se preocupar com o buffet, a comida e bebida que iriam ser servidas na ocasião.


Economia


Uma das maiores economias deste tipo de comemoração é de fato o buffet. É difícil prever o quanto se economiza, pois depende muito do tipo da festa e das comidas e bebidas escolhidas para a comemoração, mas é de fato um gasto muito menor quando não se precisa servir nada aos convidados.

Se quiser algo um pouco mais especial, Bianca, que participou da organização do casamento de Carolina, sugere a contratação de um chef para preparar pratos especiais apenas para os noivos: "O jantar não teria um custo muito superior ao de um bom restaurante, com a diferença de que seria exclusivo".

No aluguel do espaço também se economiza muito. Enquanto um casamento tradicional exige um salão que comporte diversas pessoas, para esta versão é apenas necessário um espaço bonito, mas pequeno. Bianca ainda pontua a vantagem de poder realizar a cerimônia em um dia alternativo, fugindo dos finais de semana, barateando ainda mais o aluguel: "Para o espaço, a economia chega até 80%"

Por estes motivos, além de economizar, é possível ainda realizar um casamento mais sofisticado, com mais investimento no vestido da noiva e em outros acessórios.


Aproveitar a festa


Carolina conta que aproveitou muito tudo, desde todos os preparativos, até a própria festa: “Às vezes você se envolve tanto com o que os outros vão pensar, com o que vai servir para os convidados, que não curte o momento”.

Tanto a maquiadora quanto a organizadora da festas eram amigas de infância da noiva e, por isso, Carolina acredita que tudo foi ainda mais bonito e emocionante. “Nós passamos pelas mesmas emoções. Teve a bênção, a cerimônia e depois têm material para mostrar para os filhos”


Nesta modalidade de festa de casamento, os registros fotográficos valem muito. Além de guardar para rever e se emocionar toda vez que assiste – como confessa a própria Carolina – é possível fazer uma pequena reunião informal para mostrar para os familiares e amigos mais próximos as fotos e os vídeos e, então, revelar todo o segredo.



Fonte: Delas - iG @ http://delas.ig.com.br/noivas/2016-07-26/festa-de-casamento-economica.html